Lagoa Azul

1 Estrela2 estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (39 votos, Média: 4,03 de 5)
Loading...

O Lagoa Azul talvez seja um dos mais tradicionais drinks. Você pode apreciar a bebida em qualquer lugar do mundo. Alguns dizem que ele surgiu nos EUA. Outros na República Checa e até na França, mas a verdade é que o drink dos anos 80 é atual até hoje.

Sendo queridinho das mulheres, o Lagoa Azul foge dos drinks mais exóticos, mas não perde em nada quando o assunto é sabor.

É sério que você ainda não fez? Só vamos te perdoar se você correr agora e preparar essa delícia.

5 Ingredientes
5 min Tempo de preparo
1 Rendimento
255340 Visualizações

Ingredientes

Como Fazer

  1. Bata em uma coqueteleira o suco de limão, a vodka e o curaçao blue.
  2. Ponha tudo em um copo de long drink (Highball ou Hurricane Glass).
  3. Adicione o gelo e complete o copo com a soda.

Dica MeuDrink

  1. Decore com laranja ou cereja;
  2. Se quiser deixar a taça mais romântica, molhe as bordas com limão e passe no açúcar.

Drinks relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

15 Comentários para "Lagoa Azul"

  1. Brooooother, muito top teu blog 😀

    Eu trabalho como bar man em uma casa noturna aqui em Goiânia, e sempre que vou nas festas de amigas/amigos mandam-me por a mão na coqueteleira, ahuahua

    Tem alguns drinks que eu não conhecia, como esse lagoa azul. Simplesmente excelente!

    Parabéns

  2. Pingback: Lagoa Azul (via Meu Drink) « Beto Bertagna a 24 quadros

  3. Pingback: Lista de 10 drinks com vodka que você tem que aprender. | Meu Drink

  4. Falta de motivação está em alta nas organizações.

    Meudrink, conheça o e-book “Doses de Mudança” e melhore o ânimo no seu ambiente de trabalho e mude sua vida para melhor.

    https://dosesdemudanca.com.br

    “Sempre que pensamos em mudar queremos tudo o mais rápido possível. Não tenha pressa, pois as pequenas mudanças são as mais importantes. Por isso, não tenha medo de mudar lentamente, tenha medo de ficar parado.”